Comprar Ingressos

MÚSICA

Silvia Machete: Rhonda

Silvia Machete: Rhonda

20.09.19: sexta às 20h

Onde tem fumaça tem fogo.


Silvia Machete introduz RHONDA.


Silvia Machete


Em 2006 apresentou o show "Cabaré Bambolê" e para gravou seu primeiro disco: "Bomb of Love – Música Safada para Corações Românticos". Foram apenas dois dias no estúdio da Biscoito Fino, e Silvia Machete juntou banda para gravar seu primeiro CD.


O disco inclui músicas de sucesso imediato, amor à primeira ouvida, como “Toda bêbada canta”, a biografia não-oficial da Rê Bordosa que está em cada mulher e gera identificação imediata, o romantismo divertido de “Eu só quero saber de você”, a bossa-fora “2 hot 2 be romantic”, o flerte de “Pé”, ou a viagem interplanetária de “Bomb of love”, que traz mensagens pacifistas.


É moderna, como uma Carmen Miranda tropicalista. Muitas idéias na cabeça e um microfone na mão, divertida e cheia de conteúdo, Silvia Machete é cantora de voz afiadíssima e boas intenções musicais. Ela não pertence a nenhum movimento, está desfilando na avenida com seu próprio enredo de uma música brasileira moderna; criativa. Silvia Machete tem que ser experimentada, provada e, principalmente, ouvida. Só assim dá para entender perfeitamente as boas intenções da moça.


Em 2012, Silvia lança seu segundo trabalho: O CD Extravaganza. Num tempo em que o mais difícil parece ser imprimir estilo próprio em meio a tantas novas vozes e rostos, Silvia Machete é um manjar de reis, para citar a letra de uma canção incluída no CD Extravaganza.

Premiado com um troféu da APCA (Associação dos Críticos Paulistas de Artes) como melhor show do ano, Extravaganza foi lançado também em DVD.


Já em 2014, Silvia lança o CD Souvenir, sobre o qual ela declara: “Um CD é sempre um quebra-cabeça delicioso de montar.”

Silvia Machete reúne uma mistura de sons pinçados em terras brasileiras e estrangeiras. O desejo de produzir um mosaico de lembranças musicais levou Silvia a compor seu Souvenir com toques pernambucanos, paulistas, cariocas, lusitanos e americanos. Em um CD que, segundo a cantora, é o resultado de um trabalho feito “com calma e mais experiência”, a artista passeia pelo universo musical de nomes badalados, como Eduardo Dussek; Jorge Mautner; Moraes Moreira e Angela RoRo. Souvenir, que também tem composição de Silvia, apresenta ainda dois músicos portugueses: Sergio Godinho e Jorge Palma.


Em 2015, Silvia estreia de dois Projetos de grande destaque: Dussek Veste Machete, onde Silvia “veste as calças de Dussek” sem nenhuma redundância, cantando clássicos do compositor carioca, que fazem parte do universo comum aos artistas, ambos românticos, sacanas e cariocas e Mondo Machete – O Primeiro Musical Sobre Uma Cantora Viva, Interpretado Por Ela Mesma em uma temporada de um mês no Teatro dos 4, no Shopping da Gávea, com ótimas críticas, sendo aplaudida por nomes como Eduardo Dussek, Vera Holtz, Paulo Gustavo e Marco Nanini.



Pepe Cisnero - piano

João Erbeta - guitarra

Dudinha - baixo

Vítor Cabral - bateria

Lívia - luz

Maurício - som


Silvia Machete

MÚSICA

Juçara Marçal: Curima 7, 14, 21 e 28.10.19: segundas às 20h

Juçara Marçal: Curima

MÚSICA

Lenna Bahule: Nômade - a caminho de moçambique 22.10.19: terça-feira, 20h

Lenna Bahule: Nômade - a caminho de moçambique

MÚSICA

Sotaques YB 02, 09, 16 e 23.10.18: quartas às 20h

Sotaques YB

MÚSICA

Soledad: Revoada 24.10.19: quinta-feira às 20h

Soledad: Revoada

MÚSICA

Paula Santisteban: As Janelas da Cidade 29.10.19: terça-feira, 20h

Paula Santisteban: As Janelas da Cidade

MÚSICA

Tatá Aeroplano: Um Brinde à mãe da Lua 26.11.19: terça-feira às 20h

Tatá Aeroplano: Um Brinde à mãe da Lua